Lusofonia | Notícias

Revista de Imprensa Lusófona de 17 de junho de 2019

Em Cabo Verde o “Expresso das Ilhas” dá destaque a que o “Presidente considera ‘inquietante’ falta de resposta a crianças desaparecidas”. Segundo a “Inforpress”, a “Presidente do PAICV inicia segunda-feira visita de três dias a São Tomé e Príncipe”.

A “Folha de S.Paulo” no Brasil, noticia que o Presidente “Bolsonaro intensifica ‘fritura’ de aliados às vésperas de fala de Moro para evitar CPI [Comissão Parlamentar de Inquérito]”. Já “O Globo” tem em manchete “Computadores do governo federal sofrem mais de um ataque digital por hora”.

Na Guiné-Bissau o “Guinendade” cita a segunda vice-presidente do PAIGC, Odete Semedo, que, após ter estado numa audiência com o Presidente guineense, afirmou que “JOMAV [José Mário Vaz] prometeu que vai chamar PAIGC para formar Governo”. Por sua vez, “O Democrata” cita o Bastonário de Ordem dos Advogados, Basílio Sanca, que declarou que o “PAIGC deve aceitar o princípio da negociação e abrir-se para o diálogo”.

O “Jornal de Angola” publica “Angola e RDC [República Democrática do Congo] juntos no combate ao crime”. “O País” refere que o “MPLA remove Boavida Neto de secretário-geral”.

“MDM teme que desentendimentos na Renamo possam comprometer as eleições”, pode ler-se na “Folha de Maputo” em Moçambique. O “Notícias Online” partilha que a “UE [União Europeia] enaltece compromisso de Moçambique com eleições regulares”.

Em Portugal o “Jornal de Notícias” escreve que o “Estado gastou milhões de euros em obras públicas sem utilidade”. O “Observador” avança que o “Estudo dos benefícios fiscais pretende substituir ‘má despesa’ por mecanismos eficientes, diz o Governo”.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo