Angola

Angola: João Lourenço quer mais quadros nacionais na produção petrolífera

Presidente de Angola, João Lourenço

O Presidente da República de Angola, João Lourenço, exortou nesta terça-feira, 04 de junho, as empresas petrolíferas a assegurarem a formação e o recrutamento de quadros nacionais para a efetiva “angolanização” da produção petrolífera.

A declaração foi feita durante o discurso do governante na abertura da Conferência Angolana de Petróleo e Gás 2019, uma iniciativa da África Oil & Power com a participação dos principais “players” da indústria petrolífera mundial e das empresas de consultoria.

O Chefe de Estado disse ainda que, tratando-se de um setor de capital intensivo e de tecnologia avançada, a sua importância será ainda maior se passar a incorporar mais mão-de-obra nacional. Mencionou também o facto de que o Governo tem incentivado as empresas petrolíferas a cumprirem com os planos de formação, promoção e integração de quadros e técnicos angolanos nos diferentes níveis da hierarquia da indústria petrolífera, aumentando o grau de “angolanização” do setor.

João Lourenço avançou que está em curso a reforma do Instituto Nacional de Petróleos e a construção de um instituto superior, ambos na província do Cuanza Sul. Segundo o próprio, África detém “grande potencial” de hidrocarbonetos inexplorados, tendo por isso uma palavra a dizer no continente e no mundo industrializado.

Além da aposta no aumento da produção interna, reafirmou o empenho do país na atração de investimentos, na promoção de parcerias e negócios em todos os segmentos da cadeia de energia e da indústria petrolífera. No entanto, reconheceu que apesar do esforço para a diversificação da economia, o petróleo continua a desempenhar um papel de destaque na economia angolana.

O Presidente realçou o compromisso de assegurar a autossuficiência de produtos refinados mediante a construção das refinarias do Lobito e Cabinda e a requalificação da de Luanda, deixando em aberto a possibilidade de erguer mais uma no Soyo.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo